Animal Kingdom: o parque dedicado aos animais

Google+ Pinterest +

Inaugurado em 1998, o Animal Kingdom foi o último dos quatro parques temáticos da Walt Disney World a ser lançado. Ele é 100% dedicado aos animais e a conscientização sobre a conservação da natureza.

Apesar de ser o maior dos quatro parques temáticos, ele não possui muitas atrações. Na verdade, grande parte de sua área é ocupada pelo Kilimanjaro Safaris, sobre o qual eu vou falar mais a frente.

Até 2016 era possível ver todo o parque até umas 15, 16h e aproveitar o resto do dia para fazer outro passeio, porém, com a estreia das atrações noturnas do Animal Kingdom, como o show Rivers of Light, agora é preciso passar o dia todo por lá para ter a experiência completa do dia e da noite.

Está chegando ainda a nova e imensa área Pandora – The World of Avatar, que será inaugurada dia 27 de maio de 2017. Com isso, o Animal Kingdom se consolidará como um parque para o dia todo.

Chegando ao Animal Kingdom

Animal KIngdom - placa estacionamento

Se vai para o parque de carro, ao estacionar verifique a placa mais próxima do local onde parou seu carro e grave essa informação.  Terá sempre um animal e um número que marca a sua fileira. Tirou foto ou anotou direitinho? Aí é só pegar o Tram (trenzinho) até a entrada do parque e curtir seu dia.

Ao entrar no Animal Kingdom pegue logo seu mapa gratuito em português e o Time Guide, que possui os horários e locais de todos os shows e encontros com personagens que ocorrerão no dia. Você também pode consultar esses horários pelo aplicativo My Disney Experience ou pelo site da Disney com antecedência para se planejar melhor, basta selecionar no calendário o dia que deseja visualizar.

Conhecendo o Animal Kingdom: área por área

Animal Kingdom - entrada

Entrada do Animal Kingdom

O Animal Kingdom se divide em 7 áreas: Oasis, Discovery Island, DinoLand U.S.A., Asia, Africa, Rafiki’s Planet Watch e a 7ª, que será a área dedicada ao filme Avatar. Todas elas ficam em torno da Tree of Life, ou árvore da vida, que é o símbolo do parque. Já já falo sobre ela. Veja o mapa do parque aqui.

Quer saber quais são os melhores restaurantes do Animal Kingdom para comer bem gastando pouco? Veja o post Restaurantes bons e baratos na Disney.

OASIS

A primeira área que verá ao entrar no parque será a Oasis.

– Oasis Exhibits: a única “atração” da área. Trata-se de uma trilha autoguiada onde você poderá ver grande variedade de vegetação, um lago e animais como javalis, tamanduás e pássaros exóticos.

PANDORA – THE WORLD OF AVATAR (inauguração 27 de maio de 2017)

Sendo uma área nova, o ideal será chegar bem cedo ao parque e já ir direto para ela, já que as atrações serão disputadíssimas.

– Avatar Flight of Passage: é um simulador de voo a bordo de um banshee da montanha, que é uma espécie de pássaro gigante. Certamente será muito emocionante e cheio de tecnologia.

– Na’vi River Journey: em um barco você navegará pelas águas do misterioso rio que passa por entre a floresta bioluminescente de Pandora.

DISCOVERY ISLAND

É a área central do Animal Kingdom, onde fica o símbolo do parque, a famosa Tree of Life.

Não deixe de ir:

– It’s Tough to be a Bug!: é um 3D muito legal sobre o filme Vida de Inseto. Eu acho super engraçado, tomo vários sustinhos, é demais! Agora, pode ser meio assustador para crianças.

Animal Kingdom - Tree of Life

Tree of Life

– Tree of Life: não é bem uma atração, é uma árvore gigante com mais de 300 imagens de animais talhados em seu tronco, o que sempre rende belíssimas fotos. Dentro da árvore fica o Tree of Life Repertory Theatre, teatro onde acontece a atração It’s Tough to be a Bug!.

– Tree of Life Awakenings: é um show de projeções que acontece à noite na Tree of Life. A cada 10 minutos aproximadamente passa uma projeção diferente com historinhas lindas de diversos animais. Nos intervalos das projeções os animais talhados na árvore ganham vida. Como não tem como saber qual animal de moverá, você tem que ficar de olho na Tree of Life. É mágico!

– Discovery Island Trails: essa trilha te permite chegar bem pertinho da Tree of Life e apreciar os detalhes dessa verdadeira obra de arte. No caminho você ainda pode encontrar diversos animais como lêmures, flamingos e cangurus.

Para as crianças:

– Wilderness Explorers: é um jogo inspirado no escoteiro Russell do filme Up! Altas Aventuras. Os participantes devem completar diversas missões espalhadas pelo parque. As crianças gostam bastante desse tipo de jogo, é claro, mas as instruções são todas em inglês e não tem uma duração determinada para completá-lo, ou seja, pode acabar durando um dia inteiro. Para começar a jogar é preciso pegar o guia na “sede” do Wilderness Explorers que fica na ponte entre Oasis e Discovery Island ou ainda em outros pontos do jogo que ficam na Africa, Rafiki’s Planet Watch, Asia e DinoLand U.S.A.

Da Discovery Island há passagens para a Africa, Asia e DinoLand U.S.A.. Vamos seguir para a direita.

DINOLAND U.S.A.

Esta área é completamente dedicada aos dinossauros. Ela é bem colorida e cheia de referências engraçadinhas sobre a extinção dos dinossauros. Preste atenção nos detalhes. 😉

Imperdível:

– Dinosaur: essa atração é muito legal. É uma aventura a bordo de um carro, que na verdade é uma máquina do tempo que te leva à era dos dinossauros e no caminho você encontra um monte deles, claro.

Animal Kingdom - Dinasaur

Entrada da atração Dinosaur

– Finding Nemo – The Musical: um musical nível Broadway com atores cantando ao vivo. A história do Nemo é contada do início ao fim, de forma resumida, mas sem perder o humor e emoção do filme. Os personagens ganham vida de uma forma muito real. É encantador! Embora muitos prefiram o show do Rei Leão, eu gosto bem mais do Nemo. O show acontece várias vezes por dia, então não esqueça de conferir os horários para o dia de sua visita e o inclua no seu roteiro.

É legal:

– Primeval Whirl: uma montanha-russa ao ar livre bem coloridinha e divertida. Boa para curtir com a família toda.

Para as crianças:

– The Boneyard: é um playgroud cheio de fósseis de dinossauros, escorregadores e um monte de outras coisas para as crianças brincarem.

– TriceraTop Spin: a bordo de um dinossauro bonitinho você voa e gira e gira.

Joguinhos:

– Fossil Fun Games: é uma área com 6 “barraquinhas” com jogos tipo dos parques de diversões antigos, em que quando você acerta ganha um prêmio. Paga-se a parte para jogar.

Animal KIngdom - Dinoland USA

Entrada da área de joguinhos do DinoLand U.S.A.

ASIA

Seguindo o caminho, a próxima região a explorar é a Asia. Esta área sempre me encanta. Tudo é tão bem feito, tão bem ambientado que você se sente um verdadeiro explorador rumo ao Monte Everest. Aqui está uma das melhores atrações de toda Walt Disney World.

Tem que ir:

 Expedition Everest – Legend of the Forbidden Mountain: essa montanha-russa é incrível, tem uma queda grande, mas não dá muito medo e lá dentro surpresas te aguardam!!! Para mim é uma das melhores atrações de Orlando. Adoro até a fila dessa atração, onde você pode ver diversos objetos e fotos que mostram a cultura asiática e contam sobre a vida dos exploradores e da lenda do Yeti ou Abominável Homem das Neves.

Animal Kingdom - Everest

A subida e a queda da Expedition Everest

– Kali River Rapids: faz parte da lista de atrações para se molhar. É uma corredeira bem legal, boa para os dias de calor.

– Flights of Wonder: é um show muito divertido com diversos tipos de pássaros. Confira os horários deste show para a data de sua visita.

– Rivers of Light: show noturno que acontece no Discovery River, lago que fica no centro do parque. É uma mistura de luzes, efeitos com água, projeções e música. Vale a pena ficar até mais tarde no Animal Kingdom para ver esse show lindo.

Se gosta de ver animais:

– Maharajah Jungle Trek: é mais uma trilha, onde você poderá ver animais como tigres, morcegos e diversas aves.

Animal Kingdom - Kali River Rapids

Kali River Rapids

AFRICA

Esta é a maior área do parque, pois abriga um grande safari de verdade.

Tem que ir:

– Kilimanjaro Safaris: o passeio é feito em um veículo tipo um caminhão. O Animal Kingdom reproduziu uma floresta africana, então neste safari você encontrará animais típicos deste continente. Quando fui pela primeira vez tive bastante sorte: do nada uma girafa veio pra cima do carro que eu estava e depois parou na frente e bloqueou nossa passagem por um tempo. Foi bem engraçado. Neste mesmo dia, o leão resolveu sair da toca na hora que estávamos passando por ele e surpreendeu até o motorista, que então parou para que tirássemos fotos. Como os animais ficam livres, é imprevisível saber se vai conseguir vê-los bem ou não. Uma dica é tentar sentar nas pontas das fileiras, pois se ficar no meio é mais difícil tirar boas fotos. Os animais aparecem dos dois lados, então não tem um lado melhor. Eu prefiro ficar a esquerda, pois é onde o leão aparece.

Animal Kingdom - Kilimanjaro Safaris

Caminhão do Kilimanjaro Safaris

– Festival of the Lion King: um show musical com números circenses, inspirado no filme O Rei Leão. É um show realmente imperdível. Ele ocorre várias vezes ao longo do dia. Consulte os horários e deixe anotado no seu roteiro para não perder de jeito nenhum.

Outra trilha:

– Gorilla Falls Exploration Trail: passeio autoguiado pela Pangani Forest onde você poderá ver hipopótamos, gorilas, pássaros exóticos, entre outros animais.

Nesta área fica ainda o Wildlife Express Train. Este trem não tem nada de especial, mas ele é necessário para acessar a 6ª e última área do parque.

RAFIKI’S PLANET WATCH

Como disse, esta área é acessível somente utilizando o trem, pois ela é bem afastada das outras. Ela fica atrás, digamos assim, do Kilimanjaro Safaris. Leva 7 minutos para chegar até lá. Visite esta área só se você estiver com tempo e gostar muito de ver e aprender sobre animais e sua conservação. Geralmente essa parte do parque fica vazia. Ah, ela fecha 1 hora antes do horário de encerramento do Animal Kingdom.

Animal Kingdom - Rafiki's Planet Watch

Entrada da estação de trem que nos leva ao Rafiki’s Planet Watch

– Conservation Station: é tipo um museu com diversas informações sobre os animais. Lá dentro, há salas com grandes janelas de vidro para que possamos espiar laboratórios com pesquisadores trabalhando, uma sala de atendimento veterinário e alguns animais em aquários. O assunto por aqui é conservação e conscientização ambiental. O que acho interessante, mas também esquisito ao mesmo tempo, é a Song of the Rainforest, que são umas salinhas escuras onde você entra, coloca um fone e escuta diversos sons da natureza com a narração da Vovó Willow, aquela árvore do filme da Pocahontas. É bem realista, parece que você está dentro da floresta.

– Habitat Habit!: é uma trilha onde você pode encontrar diversos macacos.

– Affection Section: essa área é tipo uma fazendinha, onde você pode ter contato, alimentar e até escovar os pelos de animais como ovelhas, vacas e cabras.

Animal Kingdom - Affection Section

Um dos simpáticos animais do Affection Section

Encerrando o passeio na área Rafiki’s Planet Watch, você deve pegar o Wildlife Express Train para voltar à Africa.

 Dica de FastPass+

No Animal Kingdom as atrações mais concorridas são: Expedition Everest, Kali River Rapids, Kilimanjaro Safaris e Dinosaur.

Aí assim, o FastPass+ para a Everest é essencial porque as filas são sempre bem grandes, o Kilimanjaro Safaris sempre tem fila grande, mas daquelas que anda relativamente rápido, o Kali River Rapids tem filas longas e demoradas somente nos dias de calor já que é um brinquedo que molha bastante, então se for numa época mais fria, seria melhor agendar FastPass+ para a Dinosaur no lugar da Kali River Rapids.

Depois de usar seus 3 FastPass+ agendados, marque mais um pelo aplicativo My Disney Experience ou em um FP+ Kiosk. Eu sempre pego outro para a Expedition Everest!

Animal Kingdom - FP+ Kiosk

Placa indicando o local de um dos FP+ kiosk do Animal Kingdom

Saiba tudo sobre o FastPass+ clicando aqui.

Vai para o Animal Kingdom com crianças pequenas? Então não deixe de conferir o post sobre o Rider Switch (também conhecido como Child Swap), sistema que permite que os pais vão nas atrações que as crianças não podem entrar se revezando para tomar conta delas, sem ter que pegar fila 2 vezes.

Dê uma chance ao Animal Kingdom: ele pode te surpreender

Apesar de muitas pessoas não gostarem do Animal Kingdom por acharem que ele não possui muitas atrações, o que não deixa de ser verdade, é importante lembrar que ele tem pelo menos uma que é imperdível, mesmo para quem não curte animais, que é a Expedition Everest. Além disso, o parque é lindíssimo e diferente dos outros, pois em várias partes dele você realmente se sente transportado para um outro lugar e esquece por alguns momentos que está num parque temático.

Com as atrações noturnas e toda expectativa em torno da inauguração da área do Avatar, o Animal Kingdom está se tornando bem mais atraente e vem conquistando mais visitantes.

Animal Kingdom - placas

Para onde vamos?

Eu acho o Animal Kingdom muito legal, me divirto muito, mas como gosto realmente não se discute, se você ainda não o conhece, o jeito é ir até lá e tirar suas próprias conclusões. Depois me conta… 😛

Endereço do Animal Kingdom:

2901 West Osceola Parkway · Lake Buena Vista, FL 32830

Valor do estacionamento: US$ 20 (gratuito para hóspedes dos hotéis Disney)

A data no topo do post é a data da última atualização. Post originalmente postado em 2 de dezembro de 2014.

Compartilhe.

Deixe seu comentário! Respostas em até 5 dias. Todas as mensagens são moderadas.