Magic Kingdom: o parque mais famoso do mundo

Google+ Pinterest +

O Magic Kingdom, que em português significa reino mágico, é de fato o parque mais mágico da Walt Disney World, de Orlando e eu diria até do mundo todo. É nele que fica o Castelo da Cinderela que é um símbolo muito forte da Disney.

Ele tem a fama de ser mais voltado para público infantil. Ok, até procede, mas é bom lembrar que ele possui atrações com temas bem variados, que vão muito além do mundo das princesas. Sem dúvida, é um dos parques que não pode faltar em nenhum roteiro de Orlando, pois além de ser um ícone ele é lindo de doer.

Como chegar no Magic Kingdom

Chegar no Magic Kingdom quando se está de carro é uma história à parte. Apesar de não ser nada demais, tem um processo diferente de todos os outros, então é importante se preparar.

Você não consegue chegar na entrada do parque com seu carro, na verdade, você deve dirigir até o Transportation and Ticket Center (TTC), onde fica o estacionamento e a bilheteria do Magic Kingdom. Neste local, você deve parar o carro e pegar o Tram, que é tipo um trenzinho que faz o transporte dentro dos imensos estacionamentos dos parques da Disney.

O Tram vai te deixar perto das estações do Monorail (trem) e do Ferryboat (barco). Aí você escolhe qualquer um desses dois transportes que finalmente te levará até a entrada do parque. Parece complicado, mas não é, pois tudo é muitíssimo bem sinalizado.

Na volta, você fará o mesmo caminho. É importante gravar o personagem e número da fileira que marca o local onde estacionou. Anote ou tire uma foto.

O estacionamento do TTC é imenso e dividido em 2 lados: Villains (vilões) e Heroes (heróis). Quando estiver voltando para pegar seu carro, você deve seguir as placas e ir para o lado onde deixou seu carro – Villains ou Heroes – para pegar o Tram correto. O motorista vai parando em vários pontos, informando o nome do personagem e intervalo numérico que marca cada área. Se prestar atenção, não vai se perder.

Já se estiver utilizando o transporte dos hotéis Disney, não se preocupe com nada disso. Os ônibus, barcos ou Monorail que saem dos hotéis já te deixarão na entrada do Magic Kingdom. 😉

O dia começa cedo por aqui

Magic Kingdom - Walt Disney World Railroad

Walt Disney World Railroad

Chegar cedo nos parques é sempre bom, mas no Magic Kingdom é essencial, já que ele é enorme! Na verdade, você deve chegar antes dele abrir para assistir ao primeiro show do dia, o Let the Magic Begin, que começa 5 minutos antes da abertura oficial e acontece no Castelo da Cinderela. Para ver este show, você pode entrar 1 hora antes do horário de abertura do parque. Algumas lojas da Main Street U.S.A. e a Main Street Bakery já estarão abertas.

Vale a pena o esforço de acordar cedo, afinal além de ser muito bem recebido pelo Mickey e cia., você vai ver o parque ainda vazio ao entrar, o que é bom para tirar boas fotos no Castelo sem um monte de gente atrás de você. Além disso, você vai pegar as atrações abrindo, com pouca ou nenhum fila.

Se preparando para a diversão

No tunelzinho em que você passa para finalmente entrar no Magic Kingdom ficam os mapas e Time Guide, que possui os horários e locais de todos os shows, paradas e encontros com personagens. Eles te ajudarão muito ao longo do seu dia, então pegue os seus assim quer chegar. O mapa fica disponível em várias línguas, inclusive em português.

Mesmo com a facilidade de utilizar o aplicativo My Disney Experience para se guiar e ver os horários de todos os acontecimentos do dia, vai que você fica sem bateria no seu celular ou que o sinal do wi-fi não pega direito (acontece muito, acredite). O mapa é fundamental e depois você ainda pode guardar de recordação. Eu sempre faço isso, pego um para usar, que fica todo amassado e outro intacto para guardar.

Um rápido parênteses aqui: eu não dependo mais de wi-fi grátis, porque é pedir pra passar raiva! Sempre viajo com um chip da Easysim 4U e recomendo com toda tranquilidade, pois já uso o serviço há 3 anos. Você recebe seu chip em casa e, ao chegar nos EUA, é só colocar no seu celular e já sair usado. A internet é ilimitadíssima e em alta velocidade! Compre o seu, clicando aqui.

Como explorar esse parque cheio de atrações

Então vamos lá. O Magic Kingdom é dividido em 6 áreas: Adventureland, Fantasyland, Frontierland, Liberty Square, Main Street U.S.A. e Tomorrowland. Veja o mapa do parque clicando aqui.

As áreas são interligadas e se distribuem no entorno da Central Plaza, que marca o centro do parque. Nela fica a famosa estátua de Walt Disney de mãos dadas com o Mickey.

Magic Kingdom - Partners

Os parceiros Walt Disney e Mickey

Ao chegar na Central Plaza, você deve então explorar o parque pela esquerda, começando pela Adventureland ou pela direita, entrando por Tomorrowland. Pela minha experiência, quando o parque abre vejo que a maioria opta por começar pela esquerda, passando batido pela Adventureland e indo para Frontierland, onde se encontram duas das atrações mais concorridas do parque: a Splash Mountain e a Big Thunder Mountain Railroad. Exatamente por isso, comecei a fazer o sentido contrário, indo para a direita, iniciando por Tomorrowland, para aproveitar logo de cara a atração Space Mountain, também concorridíssima. Então a dica é essa: entrando no parque, observe para onde a multidão está indo e vá pelo caminho inverso. 😉

Ah, quer saber quais são os melhores restaurantes do Magic Kingdom para comer bem gastando pouco? Veja o post Restaurantes bons e baratos na Disney.

MAIN STREET U.S.A.

Seja lá qual for o caminho que vai percorrer no parque, a primeira área que você vai conhecer é a Main Street U.S.A. que é como uma rua principal caracterizada como uma cidade de interior dos Estados Unidos de antigamente. Ela começa na entrada do parque e vai até a praça central – Central Plaza. Nesta área há diversas lojas e restaurantes muito bons para explorar.

Nessa rua passam também todas as paradas do Magic Kingdom, que são imperdíveis, sem exceções. São elas:

Magic Kingdom - Central Plaza

Esperando a Festival of Fantasy Parade começar

Disney Festival of Fantasy Parade: é um desfile lindinho com muitas princesas e outros personagens, incluindo o dragão da Malévola, que é incrível. Ela acontece entre uma e duas vezes por dia na parte da tarde. Duração: 12 minutos.

Move It! Shake It! Dance & Play It! Street Party: neste desfile super animado participam Tico e Teco, Mickey, Minnie, Pato Donald, Pateta, entre outros. Acontece cerca de 3 vezes por dia. No fim, os personagens descem dos carros, dançam e interagem com o público. Durante a parada tire fotos e poste no Twitter ou Instagram com a hashtag #MoveitShakeitPics e elas poderão aparecer nas telas que ficam nos carros. Duração: 35 minutos.

Já os shows acontecem no Castelo da Cinderela e podem ser vistos ao longo da Main Street U.S.A. São eles:

– Mickey’s Royal Friendship Faire: show que acontece no palco em frente ao Castelo da Cinderela. Ele substituiu o show Dream Along with Mickey, que foi apresentado durante 10 anos. O Mickey’s Royal Friendship Faire é apresentado entre 5 e 6 vezes por dia, por isso, ele não costuma ficar muito cheio e não é necessário guardar lugar com muita antecedência. Os personagens que participam do show são Mickey, Minnie, Pateta, Pato Donald, Rapunzel, Tiana, Anna, Elsa, entre outros.

Once Upon a Time: show noturno de projeções de imagens no Castelo da Cinderela que substituiu o Celebrate the Magic. Ele acontece entre 1 e 2 vezes por noite. O show é super emocionante e conta com projeções dos grandes clássicos da Disney como A Bela e a Fera, Peter Pan, Cinderela e de filmes mais recentes como Frozen. Duração: 14 minutos.

Happily Ever After: é um show de fogos e projeções no Castelo da Cinderela que também acontece entre 1 e 2 vezes por noite. O show tem músicas e imagens dos mais diversos filmes da Disney. O show é incrível, mas ô saudade do meu Wishes! Duração: 18 minutos.

Magic Kingdom - Castelo da Cinderela a noite

A linda iluminação do Castelo minutos antes dos shows noturnos

É super recomendável consultar os horários dos shows e paradas para o dia da sua visita ao Magic Kingdom no site da Disney ou no aplicativo My Disney Experience com antecedência e já deixar tudo anotado no seu roteiro para não perder nada. Clique aqui para ver o calendário oficial da Disney, basta selecionar a data que deseja visualizar.

É importante também guardar um bom lugar para assistir aos shows e paradas. Dependendo da época, pode ser necessário guardar lugar 1 hora antes ou mais. Observe a movimentação no dia da sua visita e veja se é necessário se antecipar tanto.

Voltando… Na Main Street U.S.A. há o Town Square Theater, onde um Mickey MUITO especial e a Tinker Bell ficam para tirar fotos. Há outros pontos para fotos com personagens, inclusive ao ar livre mesmo, não só na Main Street, mas por todo o parque e ao longo de todo o dia. No site da Disney, no aplicativo My Disney Experience e no Time Guide é possível saber onde cada personagem estará e em que horário.

Magic Kingdom - Town Square Theater

Town Square Theater

Há ainda dois tipos de transportes que partem da Main Street U.S.A.:

– Walt Disney World Railroad: desta estação partem trens que passam por Frontierland e Fantasyland. Só é bom utilizá-lo se quiser chegar numa dessas duas áreas e tiver cansado demais para ir andando.

– Main Street Vehicles: são carros antigos que passam somente pela Main Street U.S.A., partindo de Town Square (praça em frente a Walt Disney World Railroad) indo até a Central Plaza, em frente ao Castelo.

Na Main Street U.S.A. também é onde começa o jogo Sorcerers of the Magic Kingdom. Você pode jogar indo até a Firehouse para recebem um mapa e as cartas do jogo. Essas cartas ativam vídeos em diversos pontos do parque e vão dando as pistas da próxima missão. As missões acontecem por todo o parque e não tem limite de tempo para jogar, o que significa que ele pode levar horas. Esse tipo de jogo agrada muito as crianças, mas infelizmente as instruções são todas em inglês.

TOMORROWLAND

Deixando a Main Street U.S.A., virando à direita, vamos para Tomorrowland que é a área futurista do Magic Kingdom. Eu particularmente amo essa parte do parque.

As melhores atrações dessa região são:

Space Mountain: é uma montanha russa super clássica. É indoor e no escuro, mas não possui inversões, apenas algumas quedinhas, mas nada demais. Até os medrosos podem arriscar.

Buzz Lightyear’s Space Ranger Spin: nesta atração você entra tipo numa navezinha onde há uma arma de laser que você deve usar para acertar os alvos e marcar pontos. É muito divertido para todas as idades.

Magic Kingdom - Tomorrowland

Entrando em Tomorrowland

Pense se você deve ir:

Monsters, Inc. Laugh Floor: essa atração gera controvérsias. Eu já fui e até achei engraçado, mas não voltaria. Eu explico. Trata-se de um show de stand-up comedy estrelado pelos personagens do Monstros S.A., então se você não entende inglês vai ficar boiando. Além disso, há vários “sortudos” que são escolhidos para participar do show através de um telão (é tem um telão). Se você não sabe inglês e/ou é tímido, pense bem se vale a pena ir.

Stitch’s Great Escape!: outra atração controversa. Eu não gosto muito, mas acho que vale a pena conhecer para tirar suas próprias conclusões. Você senta em volta de um “palco”, digamos assim, o Stitch aparece lá no meio e coisas estranhas acontecem (não vou contar, pois perde a graça). É no escuro e tem uns sustinhos e tal. Tranquilo para os adultos, já algumas crianças podem se assustar. Ela está abrindo apenas em determinadas épocas do ano. É bem possível que feche de uma vem em breve.

Outras atrações:

Astro Orbiter: é uma atração ao ar livre onde navezinhas sobem bem alto e ficam girando. Mesmo sendo bobinha para os adultos, é bem legal para quem quer ter uma boa vista do parque.

Tomorrowland Speedway: as crianças pequenas gostam bastante, já os adultos acho que não. É como se fosse uma pista de autorama, onde você e um acompanhante entram num carrinho e “aceleram” (pausa para rir!) a 0,00025 km/h. Tá, na verdade vai a cerca de 11km/h, mas como não tem como ultrapassar e terão crianças dirigindo na sua frente, prepare-se para ir a 0,00025 km/h mesmo!

Magic Kingdom - Tomorrowland Speedway

Tomorrowland Speedway

Tomorrowland Transit Authority PeopleMover: é um passeio de cerca de 10 minutos num carrinho que passa por toda a Tomorrowland. É ótima para sentar e descansar um pouco. O carrinho passa por dentro da Space Mountain, da Buzz Lightyear’s Space Ranger Spin, da loja Mickey’s Star Traders, por cima da Tomorrowland Speedway. É um passeio bem legalzinho, só não vale a pena se estiver com muita fila.

Tomorrowland Arcade: é uma área com jogos eletrônicos. Paga-se a parte para jogar.

Para dormir:

Walt Disney’s Carousel of Progress: faz parte da lista de atrações boas para descansar, pegar um ar condicionado e quem sabe tirar bom um cochilo. Para quem está indo pela primeira vez no parque vale ir apenas para conhecer, afinal é uma atração clássica do Magic Kingdom. Para quem já conhece, só vale se for para dormir mesmo. Nela você assiste a bonecos animatrônicos que falam sobre o progresso tecnológico.

FANTASYLAND

Continuando o passeio, chegamos na Fantasyland. Aqui é a terra da fantasia, dos contos de fada, a casa das princesas Disney. Nesta área a maioria das atrações são infantis.

Melhores atrações:

Mickey’s PhilharMagic: é um filminho 4D com imagens de diversos filmes clássicos da Disney. Tem ótimos efeitos, é lindo, emocionante, engraçado e tudo mais que você possa imaginar. Perfeito!

Seven Dwarfs Mine Train: é uma montanha russa, daquelas bem tranquilinhas, mas muito divertida e que dá show, desde a fila, com muita interatividade. Amo… ♫ Eu vou, eu vou, pra casa agora eu vou…” ♫

Peter Pan’s Flight: você sobrevoa a Terra do Nunca e encontra personagens do Peter Pan. São apenas cenários e bonecos animatrônicos, mas é bem bonitinho. Ah, e apesar de não ser nada demais, tem sempre grandes filas.

The Barnstormer: é uma montanha russa bem bobinha, mas que é bem bonitinha e muito legal para as crianças.

Magic Kingdom - The Barnstormer

The Barnstormer no Fantasyland

Pense se vale a pena ir:

Enchanted Tales with Belle: nesta atração Lumière e a Bela em pessoa contam uma história junto com a plateia. É até interessante, principalmente para as crianças, pois a Bela fica pertinho e interage, mas tem que entender um pouco de inglês, até porque tem participação do público.

Outras atrações:

Dumbo the Flying Elephant: você embarca no Dumbo e sai voando e girando. Um super clássico da Disney.

Mad Tea Party: a clássica xícara que gira, gira, gira. Só isso! É bobinho, mas as crianças e minha irmã (que já não é mais criança há tempos) adoram!

It’s a Small World: o clássico dos clássicos do Magic Kingdom. Num barquinho, você navega por todas as nações representadas por cenários e bonequinhos animatrônicos, ao som de uma música irritantemente chiclete! Pra quem está indo pela primeira vez, vá conhecer, mas provavelmente não achará necessário voltar.

Prince Charming Regal Carousel: um carrossel lindo, digno dos contos de fada.

Magic Kingdom - Carrossel

O Carrossel à direita e o Castelo da Cinderela ao fundo

The Many Adventures of Winnie the Pooh: esse é para criança pequena mesmo. É um carrinho que vai passando por cenários e bonecos dos personagens do desenho do Pooh.

Under the Sea – Journey of the Little Mermaid: num carrinho em formato de concha você faz um passeio por cenários inspirados do filme A Pequena Sereia e vê bonecos animatrônicos dos personagens ao som da trilha do filme.

Fotos com personagens:

Na Fantasyland ficam três locais muito concorridos para fotos com personagens:

– Princess Fairytale Hall: atualmente há encontro com a Cinderela e Elena de Avalor e com Rapunzel e Tiana. As princesas tiram fotos e distribuem autógrafos. As filas costumam ser sempre bem grandes.

Magic Kingdom - Princess Fairytale Hall

Princess Fairytale Hall

– Ariel’s Grotto: encontre a Pequena Sereia. Aqui também tem bastante fila, mas nada se compara ao Princess Fairytale Hall.

– Pete’s Silly Sideshow: você encontra personagens clássicos como Minnie, Pato Donald e Pateta com suas roupas circenses.

LIBERTY SQUARE

Próxima parada: Liberty Square, ou praça da liberdade, que é uma área que representa o patriotismo norte americano e seu orgulho pela história da independência e da Constituição dos Estados Unidos.

Imperdível:

Haunted Mansion: apesar dos efeitos já não serem tão impressionantes como antigamente, ainda engana bem. É tipo um trem fantasma que percorre uma casa mal assombrada, mas que não tem nada de assustadora, está mais para divertida, então não tem problema levar as crianças. É uma das atrações clássicas que ainda vale muito a pena.

Magic Kingdom - Haunted Mansion

Entrada da atração Haunted Mansion

 Outras atrações:

Liberty Square Riverboat: é um passeio em torno da Tom Sawyer Island (falarei dessa ilha mais abaixo) num daqueles antigos barcos a vapor. Só vá se tiver tempo, pois apesar de ser legal e com boas oportunidades para fotos, o passeio dura cerca de 17 minutos.

Para dormir mais um pouco:

The Hall of Presidents: primeiro há um filme sobre a Constituição Norte Americana e depois, se você ainda não dormiu, há uma apresentação de bonecos animatrônicos que representam todos os presidentes dos Estados Unidos. Para quem não entende inglês é perda de tempo, e outra, mesmo que você entenda, se sentirá numa aula de história e férias não combina com aula, né?! rs

FRONTIERLAND

Saindo de Liberty Square vamos para um dos pontos altos do parque, a área Frontierland, que representa o velho oeste norte americano.

Tem que ir:

Big Thunder Mountain Railroad: uma montanha russa muito divertida e tranquila para todas as idades.

Splash Mountain: não é bem uma montanha russa, pois você entra num barquinho que vai meio devagar e no final há uma queda. É muito bom, mas nem todo mundo gosta, né. Como a queda fica numa área externa, dá uma olhadinha antes de ir, para ver se vai encarar. Ah, prepare-se para se molhar. Olha a quedinha aí na foto!

Magic Kingdom - Slash Mountain

Splash Mountain

Outras atrações:

Frontierland Shootin’ Arcade: é uma área que tem aqueles jogos de tiro ao alvo. Paga-se a parte para jogar.

Tom Sawyer Island: é uma ilha em que se chega através de uma balsa. Lá é um grande playground com cavernas, pontes e túneis. Você pode ficar pelo tempo que quiser e aí para ir embora da ilha é só pegar a balsa de volta. As crianças curtem demais!

Não vai, por favor! rs

Country Bear Jamboree: são ursos animatrônicos que fazem piadinhas, cantam e tocam instrumentos durante longos 16 minutos. Eu não curto, gente, acho muuuuito ultrapassado e até meio bizarro! Mas sério, se quiser ir, vá, só não diga que eu não avisei. 😛

ADVENTURELAND

Terminando nosso passeio, chegamos a Adventureland, a área da aventura.

É legal:

Jungle Cruise: é um passeio de barco no meio da “selva”. Tem umas surpresinhas no caminho, mas é bem bobinho. Quem entende inglês com certeza vai rir com as piadinhas do piloto do barco.

Pirates of the Caribbean: atração clássica que inspirou a criação do filme Piratas do Caribe. É um barquinho que vai navegando por cenários típicos de histórias de piratas. Esta atração é cheia de detalhes e muito bem feita.

Magic Kingdom - Adventureland

Portal da Adventureland

Outras atrações:

The Magic Carpets of Aladdin: no mesmo esquema do Dumbo, só que o voo é sobre os tapetes mágicos do Aladdin, que giram e giram.

Swiss Family Tree House: é uma casa na árvore, em que você sobre, sobe, sobe e depois desce, desce, desce e é só isso mesmo! rs

Walt Disney’s Enchanted Tiki Room: não entendo muito essa atração. É um show de 10 minutos de pássaros animatrônicos. Eu não acho nada legal.

Só se for criança, tiver com bastante tempo livre e souber inglês:

A Pirate’s Adventure – Treasures of the Seven Seas: é outro jogo, tipo caça ao tesouro. São 5 missões, que segundo o site da Disney, levam cerca de 20 minutos cada para serem completadas, mas na verdade essa brincadeira pode levar horas. O jogo é voltado para crianças e as instruções são totalmente em inglês.

Captain Jack Sparrow’s Pirate Tutorial: é um teatrinho com o hilário Jack Sparrow que escolhe algumas crianças para aprenderem a lutar com espadas como um pirata. O show acontece várias vezes durante o dia, então é necessário consultar o horário no Time Guide, aplicativo My Disney Experience ou no site da Disney.

Magic Kingdom - Jack Sparrow

Apresentação do Captain Jack Sparrow’s Pirate Tutorial

Dica de FastPass+

Nossa, o Magic Kingdom tem tantas atrações concorridas que é difícil escolher só 3 para agendar FastPass+.

As atrações que são mais legais e que, ao mesmo tempo, costumam ter grandes filas são: Space Mountain, Buzz Lightyear’s Space Ranger Spin, Seven Dwarfs Mine Train, Peter Pan’s Flight, Haunted Mansion, Big Thunder Mountain Railroad e Splash Mountain.

Para quem ama fotos com personagens ainda vale pegar FastPass+ para o Princess Fairytale Hall, Ariel’s Grotto ou Town Square Theater, dependendo de qual personagem não abra mão de encontrar.

Escolher 3 entre essas 10 opções que citei não é nada fácil. Na verdade é uma escolha muito pessoal, que depende do tipo de atração que você mais gosta.

Depois de usar os 3 FastPass+ agendados vá até um FP+ Kiosk ou use o aplicativo My Disney Experience para agendar mais um e assim por diante. No Magic Kingdom, usar sabiamente o FastPass+ é essencial para fazer o dia render.

Se não conhece ou não entende direito o sistema do FastPass+, clique aqui e veja o post em que eu conto todos os detalhes.

Ah, se vai para o Magic Kingdom com crianças pequenas, não deixe de conferir o post sobre o Rider Switch (também conhecido como Child Swap), sistema que permite que os pais vão nas atrações que crianças não podem entrar se revezando para tomar conta delas, sem ter que pegar fila 2 vezes.

Quantos dias no Magic Kingdom?

Magic Kingdom - Main Street USA

Fim do dia no Magic Kingdom

O Magic Kingdom é um parque lindo que tem muita coisa para ver e fazer. Considerando que há o show de abertura do parque pela manhã e o show de fogos próximo ao encerramento e, no meio disso, um monte de atrações, uma visita ao Magic Kingdom é quase uma maratona.

Por isso mesmo, se quiser assistir a todos os shows, paradas, tirar fotos com personagens e ir em todas as atrações sem desmaiar de cansaço, considere a possibilidade de separar dois dias para visitá-lo, principalmente em alta temporada, quando o parque fica lotado e gasta-se muito tempo nas filas ou quando se está com crianças pequenas ou idosos, pois nesses casos é preciso ir num ritmo mais lento.

Se não puder ou não achar necessário ir mais de uma dia, sem problemas! Selecione as atrações que acha mais legal e aí se sobrar tempo vá à outras ou até mesmo aproveite para repetir suas preferidas. Eu mesma faço tudo que quero num só dia, sem correria. É super possível, basta se planejar antes de ir. 😉

Endereço do Transportation and Ticket Center:

1180 Seven Seas Drive · Lake Buena Vista, FL 32830

Valor do estacionamento: US$ 20 (gratuito para hóspedes dos hotéis Disney)

ORIGINALMENTE POSTADO EM 1º DE DEZEMBRO DE 2014

Compartilhe.

2 Comentários

  1. Ana de Fraga Silva em

    Olá Fernanda!! novamente parabéns!! agora de vez o seu blog é a minha referência sobre Orlando, voçê escreve muito bem!! com muito conhecimento e detalhe sobre os assuntos abordados!!Parabéns!!
    Lamento muito não ter lido no seu blogue sobre o Magic Kingdom antes!! passei muitos perrengues por lá por causa disso!!

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Ana. Obrigada mais uma vez pelo seu carinho! 🙂
      O Magic Kingdom é complicado mesmo, tão gigante que é preciso se preparar bem antes de ir, de preferência com roteirinho e tudo! Voltando lá, depois dessa primeira experiência, será bem mais fácil e você conseguirá curtir melhor e com mais calma.
      Quando for planejar a sua próxima viagem a Orlando volta aqui no blog para pegar mais dicas. 😉
      Bjs,
      Fernanda

Deixe seu comentário! Respostas em até 4 dias. Todas as mensagens são moderadas.