Orlando sem carro é possível

Google+ Pinterest +

O que mais ouço por aí é a velha história de que é impossível se locomover por Orlando sem carro. Como eu não dirijo, contrariei essa “regra” e fiquei em Orlando usando somente transportes públicos e transfers durante 20 dias.

Se você também não dirige, não quer alugar carro ou pretende alugar somente por uma parte da sua viagem para cortar custos, você conseguirá sim andar pra lá e pra cá e ainda se divertir muito em Orlando. Claro que não é tão simples como entrar num carro e dar a partida, mas nada que uma boa leitura neste post, um bom planejamento e alguns truques não resolvam. 😉

O que considerar antes de dispensar o carro

O sistema de transporte em Orlando não é dos mais eficientes e abrangentes, então escolher estrategicamente onde ficará hospedado é o primeiro passo. Em relação a variedades de opções de transportes, a International Drive é sempre o melhor local.

Há ainda a possibilidade de fazer uma troca de hotel. Por exemplo, fique num hotel perto ou dentro do complexo Disney (que é “afastado” de todas as outras atrações da cidade) e vá à todos os seus parques e depois fique perto ou dentro da Universal e vá a seus 2 parques, aos parques do grupo Sea World e faça todas as compras.

Por falar em compras, tem ônibus gratuitos partindo de diversos hotéis da região de Orlando para os outlets Premium da International Drive ou da Vineland. Veja os detalhes aqui.

Antes de se jogar em Orlando sem carro é importante construir um roteiro bem organizado, com o tipo e número do transporte que vai utilizar, intervalos e período de circulação, localização dos pontos etc. Quanto mais informação tiver, menos risco de se enrolar na hora.

Aí você pode perguntar…

Atendeu a 100% dos locais que pretendia visitar? Não, eu tive que cortar alguns locais do meu roteiro.

Teve momentos em que se perguntou: “por que inventei de fazer isso?”. Sim, mas foram apenas alguns momentos de crise, na maior parte do tempo foi tudo perfeito, até melhor do que minhas expectativas.

Tudo é uma questão de pesar os prós e contras e se, por fim, decidir realmente deixar o carro de lado, assuma sua decisão e encare os “perrengues” que vierem numa boa. No mínimo você terá uma experiência de viagem diferente e muita história pra contar!

Prós e contras de ficar em Orlando sem carro

Contras

  • tempo de deslocamento é maior (esperar condução, andar a pé até os pontos etc)
  • reduz a quantidade de compras que você pode carregar por vez
  • pode ser necessário pegar mais de uma condução
  • restringe a possibilidade de ir a vários lugares num mesmo dia e de sair à noite

Prós

  • baixo custo dos transportes públicos
  • aproveitar transfers gratuitos que já são oferecidos pelos hotéis
  • cortar ou reduzir despesas de aluguel do carro, gasolina, estacionamento e pedágios
  • ver a cidade por uma outra ótica e descobrir novos lugares, lojas etc

Opções de transportes

– Tranfer gratuito

Vários hotéis oferecem transportes gratuitos de/para o aeroporto, para os parques e até para os outlets. Então, além de escolher bem a localização do hotel, é bom reservar um que ofereça transporte pelo menos para alguns parques, o que já ajuda muito.

Orlando sem carro - ônibus Cabana Bay

Ônibus do hotel Cabana Bay que faz o transportes para os parques da Universal

Os hotéis da Disney, por exemplo, oferecem ônibus de/para o aeroporto (Magical Express) e para seus parques temáticos, aquáticos e Disney Springs durante o dia todo. Os hotéis da Universal oferecem transporte para seus parques temáticos (Universal Studios e Islands of Adventure) e CityWalk (fica tudo junto) e ainda, transporte agendado para os parques Aquatica, Sea World (de onde dá para ir ao Discovery Cove também) e Wet’n Wild. Foi para aproveitar todos esses transfers que me hospedei no Art of Animation da Disney e depois no Cabana Bay Beach da Universal. 😉 Claro que há muitos outros hotéis que oferecem esses e outros transfers, é só uma questão de pesquisar o melhor pra você.

Os parques Busch Gardens e Legoland oferecem transporte próprio partindo de Orlando, já que ficam em outras cidades. Saiba mais sobre esses transportes aqui.

Esses transfers devem ser sua primeira opção de transporte, por serem mais cômodos e gratuitos. A única parte ruim é que alguns deles disponibilizam apenas uma ou poucas opções de horário para ida e volta, mas isso é tranquilo, basta verificar com antecedência e se programar.

– I-Ride Trolley

Orlando sem carro - I-Ride Trolley

Divulgação I-Ride Trolley

São ônibus destinados aos turistas, pois circulam apenas na região da International Drive. Eles não atendem, por exemplo, o complexo Disney, Florida Mall e The Mall at Millenia. Esse transporte é super eficiente, eu adorei. O problema dele é exatamente a limitação da sua circulação.

Ele funciona das 8 às 22:30 diariamente e possui duas linhas: vermelha e verde, mas os ônibus são sempre da cor verde, independente da linha.

  • vermelha (red line): ônibus passam nos pontos a cada 20 minutos, aproximadamente.
  • verde (green line): ônibus passam a cada 30 minutos, aproximadamente.

A tarifa básica (single fare), que dá direito a uma viagem, custa US$ 2, sendo US$ 1 para crianças de 3 a 9 anos e US$ 0,25 a partir de 65 anos. Como o motorista não dá troco, você deve colocar o valor exato na máquina que tem logo na entrada do ônibus (notas ou moedas).

Orlando sem carro - passes do I-Ride Trolley

Passes I-Ride Trolley

Há ainda passes para 1, 3, 5, 7 ou 14 dias (corridos) que dão direito a uso ilimitado do Trolley pelo período adquirido. Esses passes não são vendidos no ônibus, consulte os locais de venda. Você também pode comprá-los pelo site e trocar o comprovante (que chega no seu e-mail) pelo passe com o motorista do primeiro Trolley que pegar (eu fiz assim). Para usá-los, basta inserir na máquina para validar sua entrada.

  • 1 dia (onde day pass): US$ 5
  • 3 dias (three day pass): US$ 7
  • 5 dias (five day pass): US$ 9
  • 7 dias (seven day pass): US$ 12
  • 14 dias (fourteen day pass): US$ 18
Orlando sem carro - ponto Trolley

Ponto do Trolley (e Lynx) próximo ao I-Drive 360

Os ônibus das duas linhas circulam no sentido norte (north bound) e sul (south bound). Nos pontos em que elas se cruzam, é possível trocar de linha usando o “transfer ticket” (ticket de tranferência) que é gratuito e deve ser solicitado ao motorista quando pagar a passagem do primeiro ônibus. Quem tem um dos passes ilimitados não precisa desse ticket.

Os pontos do I-Ride Trolley são sinalizados com placas que indicam a cor da linha, o número do ponto e o sentido (norte ou sul). Parece complicado, mas não é. Dedique um tempinho para olhar o mapa e tenho certeza que vai entender. Veja aqui. Nesse link, há também o ponto em que fica cada atração. Ah, e mesmo tendo o mapa digital, pegue um mapa de papel ao entrar no Trolley, pois nele há cupons de desconto para usar pela cidade.

Placas dos pontos I-Ride Trolley são diferenciadas por cores e formas:

Orlando sem carro - Placas linha vermelha

  • Red Line North Bound (linha vermelha norte): placa quadrada com fundo amarelo e número em vermelho.
  • Red Line South Bound (linha vermelha sul): placa quadrada com fundo vermelho e número em amarelo.

Orlando sem carro - Placas linha verde

  • Green Line North Bound (linha verde norte): placa redonda com fundo amarelo e número em verde.
  • Green Line South Bound (linha verde sul): placa redonda com fundo verde e número em amarelo.

Pontos de transferência são marcados com estrelas e são sempre no esquema de cores da linha vermelha: estrela com fundo amarelo e número em vermelho, indo para o norte e estrela com fundo vermelho e número em amarelo, indo para o sul.

parada 29

Placa norte e sul

Obs: Se num ponto houver 2 placas com o mesmo número, porém, uma norte e outra sul ou mesmo uma única placa dividida em dois (como na foto), significa que ali param ônibus sentido norte e sentido sul. Neste caso, observe bem o que está escrito no letreiro na frente do ônibus (south ou north) para não pegar o errado.

Dica: quando estiver num dos pontos do Trolley, você pode acessar pelo seu celular o NextBus para saber em quanto tempo o próximo ônibus vai chegar. Outra opção é mandar um sms para 41411 com a mensagem “iride xxxx”, onde xxxx é o número da parada em que estiver (tem que ver na placa que marca o ponto) e você receberá um sms informando em quanto tempo chegará o próximo ônibus.

Comprar um chip de celular dos EUA é uma boa para poder usar este e outros recursos. Recomendo a empresa Easysim4U, que é parceira aqui do blog. Os planos são super flexível, tem ótimos preços, a internet 4G é ILIMITADA, super rápida e você já chega em Orlando conectado(a)! Ah, digitando orlandeando no campo “cupom”, na finalização do pedido, o frete é grátis.

– Lynx

São ônibus que circulam por toda a cidade. O problema do Lynx é que algumas linhas passam somente de hora em hora e muitas delas circulam em horários limitados ou nem funcionam nos domingos e feriados. Eu fiquei mais de 1 hora esperando o Lynx na ida e uns 40 minutos na volta quando fui da Universal até o The Mall at Millenia num domingo. Puxado, eu sei, mas valeu a pena pela economia, afinal um conveniente táxi sairia por cerca de US$ 40, ida e volta.

Orlando sem carro - ponto Lynx

Ponto do Lynx

Os pontos do Lynx são marcados com placas que tem o desenho de um ônibus ou uma pata de animal rosa. Abaixo desta há sempre outra placa indicando as linhas que param no ponto.

A tarifa básica (single ride), que dá direito a uma viagem, custa US$ 2 e crianças até 6 anos não pagam. Há ainda passes ilimitados de 1, 7 e 30 dias. O passe ilimitado de 1 dia pode ser comprado no ônibus. Avise ao motorista que quer um “all-day pass” antes de colocar o dinheiro na máquina. Os outros devem ser comprados nos pontos de venda ou compre pelo site da Lynx e receba em casa. Entregas internacionais levam cerca de 3 ou 4 semanas.

  • 1 dia (all-day pass): US$ 4,50
  • 7 dias (7-day standard pass): US$ 16
  • 30 dias (30-day standard pass): US$ 50

Assim como no Trolley, o motorista não dá troco, então coloque sempre o valor exato da passagem. Se tiver um passe é só inserir na máquina.

Orlando sem carro - ônibus Lynx

Um dos ônibus da Lynx

Lembrando que, se para chegar ao seu destino você precisar pegar mais de um Lynx, as transferências de ônibus são grátis, desde que feitas em até 90 minutos. É preciso solicitar o transfer ao pagar a passagem. Quem tem um dos passes não precisa pedir esse transfer, pois já tem direito a viagens ilimitadas.

Como são muitas linhas, para saber exatamente qual ônibus pegar você deve simular o caminho no Trip Planner. Coloque seu local de partida (pode ser o nome do parque, hotel etc) no campo “From” e seu destino no campo “To” e clique em “Plan Now”. Você vai ser direcionado para o Google Maps que te dirá exatamente quais ônibus precisará pegar e quanto tempo vai demorar.

Se na simulação mostrar que é preciso pegar tipo uns 3 ônibus, aí é melhor ir de taxi/uber, reservar um transfer pago ou cortar o tal local do seu roteiro. Não é muito animador, eu sei, mas como falei há limitações que devem ser pesadas antes de decidir deixar o carro de lado.

Obs: Os horários de circulação das linhas Lynx variam muito, consulte aqui. Ao entrar, basta clicar na linha que deseja ver. É muito importante consultar, especialmente se for pegar algum ônibus no fim de semana, quando algumas linhas não circulam, circulam em horário reduzido ou passam em intervalos maiores.

***Dicas práticas (Trolley e Lynx)***: os ônibus param em todos os seus respectivos pontos, não precisa dar sinal. Não tente pegá-los fora do ponto, pois simplesmente não vai conseguir. Para descer, puxe a cordinha (no Lynx alguns ônibus tem cordinha e outros uma fita amarela, que você deve apertar) quando estiver se aproximando do seu ponto. Você entra sempre pela frente do ônibus e pode sair pela frente ou por trás. No Lynx há um letreiro luminoso na parte interna do ônibus e gravação indicando as próximas paradas e, no Trolley, uma gravação também avisa os pontos seguintes.

– Transfer pago

Orlando sem carro - Mears Shuttle

Shuttle da Mears

É o ideal para ir do aeroporto para o hotel e vice versa, caso seu hotel não ofereça o serviço. Um shuttle roudtrip (aeroporto-hotel-aeroporto) da Mears, em van compartilhada, para qualquer hotel da região, custa 33 dólares por adulto e 25 dólares por criança entre 4 e 11 anos (menores de 4 anos não pagam). Somente ida ou volta custa 21 dólares por adulto e 16 por criança. Só para comparar, um táxi ida e volta entre o aeroporto e a área da Universal, por exemplo, sairia por cerca de 100 dólares. Ah, reservando o shuttle da Mears pelo site deles você tem 10% de desconto. Só posso falar sobre este, pois foi o que usei, mas há outras opções.

Obs: Você também pode pegar um dos ônibus Lynx que circulam pelo aeroporto. Só não acho que seja uma boa se estiver com muitas malas.

Há empresas que fazem transporte em carros ou vans para parques, outlets e para onde mais quiser. Sai caro, mas pode valer a pena para grupos grandes, pois nesse caso o valor fica bem diluído. A Mears faz esse tipo de transporte também. Simule o valor aqui.

– Uber

Para quem não sabe, o Uber é semelhante a um táxi. Eu nunca usei, nem mesmo no Brasil, mas sei que muita gente usa e prefere tanto pela qualidade do serviço quanto pelo preço. No site do Uber em português você pode simular o valor do transporte informando seu local de partida e destino usando o endereço completo ou mais fácil, pelo nome do hotel, parque, shopping etc. Em quase todas as simulações que fiz, o Uber saiu muito mais barato que táxi, cerca da metade do preço na categoria Uber X, que é a de carros populares e menores. A única simulação que saiu mais cara foi saindo do aeroporto, quando não apareceu a opção Uber X.

Para solicitar um Uber, você deve antes se cadastrar pelo site deles e informar um cartão de crédito no qual suas corridas serão debitadas. Eles tem um aplicativo de celular, disponível para iPhone, Android e Windows, pelo qual é possível fazer tudo, desde solicitar um carro, até dividir a conta. Isso mesmo, se quiser dividir a corrida com seus acompanhantes, basta todos serem cadastrados no Uber e solicitar dividir, aí cada terá uma parte do valor debitado em seu cartão de crédito.

Na minha próxima viagem com certeza vou experimentar e conto pra vocês como foi!

– Táxi

É a opção para quando não se tem outra opção, digamos assim. Sua tarifa é cara, pois tudo lá em Orlando é meio distante. Recomendo usar para sair à noite ou para voltar ao hotel depois de fazer muitas compras, isso se não quiser usar o Uber, né. Você pode simular o valor de uma corrida de táxi no site Taxi Fare Finder. Coloque o local de partida no campo “from” e o destino em “to” (podendo ser o endereço ou nome dos locais) e clique em “Get Fare!”.

Resumindo…

Se a ideia é economizar, prefira sempre usar todos os transfers grátis oferecidos pelos hotéis e parques, depois o Trolley, o Lynx e por último, em falta de outro transporte (ou pela comodidade), use o Uber ou táxi.

De/para o aeroporto, em geral, sai mais barato reservar um transfer pago ida e volta (round trip) do que usar um táxi/Uber e só use o Lynx nesse trajeto, se estiver com poucas malas e com disposição.

Os transfers pagos para parques, outlets etc, geralmente, valem a pena para grupos grandes ou mesmo para quem quer total comodidade e pode pagar pelo serviço.

Para grupos menores que querem conforto e agilidade no transporte e que, ao mesmo tempo, não estão precisando viver só de transporte público para economizar ao máximo, o Uber é uma boa opção para ir a todos os lugares devido ao seu excelente custo-benefício. Só não esqueça de fazer antes a simulação do valor da corrida!

Tenho um outro post que complementa este, falando objetivamente sobre os pontos do Trolley, as linhas da Lynx e algumas outras opções de transportes que devem ser usados para chegar nos principais pontos de Orlando e cidades vizinhas. Veja aqui.

E aí, se animou?

Orlando sem carro definitivamente não é pra todo mundo, mas também não é um bicho de sete cabeças e pode ser uma opção muito boa para economizar em tempos de dólar nas alturas. Eu testei, aprovei e faria tudo de novo!

Se mesmo depois de ler esse post ainda está inseguro de ir para Orlando sem carro ou tiver outras dúvidas, deixe seu comentário abaixo. 😉

Compartilhe.

53 Comentários

  1. Bruno Godke em

    Olá Fernanda.
    Comprando passe da Lynx pela internet, eles entregam no Brasil? Há taxa?
    Obrigado

  2. Olá Fernanda!
    Vou viajar agora (Setembro) com a minha irmã e não podemos alugar carro. Queríamos escolher o hotel baseado na facilidade de locomoção. Não temos intenção de fazermos muitas compras então 90% do deslocamento seria parques da Disney ou Universal. Eu estava entre Destiny Palms e Supre 8 international dr. Os dois aparecem com rotas de 1:30 até o TTC.
    Minha outra dúvida é onde posso comprar o passe de ônibus para vários dias? Tem algum ponto de venda de fácil acesso? Aeroporto, perto da disney…
    Obrigada!

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Helena. Peço desculpas pela demora em responder. Estava em Orlando, tive um série de problemas por lá e não estava com acesso ao blog.
      O ideal seria um hotel que tivesse transfer grátis para alguns parques, assim pelo menos alguns dias vocês não dependeriam de ônibus de linha. Observe que esses hotéis que mencionou tem esse tempo de deslocamento até o TTC, porém, pegando 2 ônibus. Pelo menos é o que aparece para mim. Considere o tempo de espera de cada ônibus, que pode ter intervalos de 30 minutos ou mais. Para depender de Lynx, é melhor que o trajeto exija apenas um ônibus ou você pode se frustrar. Se pegar um hotel que fique no meio do caminho entre a Disney e a Universal, na International Drive, de preferência, você pode conseguir isso.
      Esse Super 8 é perto da Universal, mas não da Disney e o Destiny Palms é perto da Disney, mas tem que dar uma voltona para chegar nos parques por transporte público, pelo que estou vendo.
      Existem passes para os ônibus Lynx de 1 dia ilimitado (esse pode comprar com o motorista), 7 dias e 30 dias. Você pode comprar nesses locais: http://www.golynx.com/buy-tickets/all-locations.stml Há pontos de venda perto do aeroporto, mas não no aeroporto.
      Bjs,
      Fernanda

  3. Rafaella em

    Oi,
    Qual é a melhor forma para ir de um hotel na internacional drive para os parques da universal? Demora muito para ir de ônibus? É muito caro ir e voltar de uber/táxi? Você indica algum hotel barato que faça esse transfer, mas que chegue cedo no parque e não saia tão cedo.

    Obrigada!!!

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Rafaella.
      Depende de que ponto da International Drive estará partindo. Pode dar pra ir de ônibus, de Trolley (andando um trecho à pé) ou de Uber, que é mais cômodo e não custa caro. Prefira sempre o Uber ao táxi, pois os preços do Uber são muito melhores.
      Os horários dos transportes partindo dos hotéis podem variar muito e mesmo de um mês para outro eles podem fazer alterações de rotas e horários, portanto, você precisaria entrar em contato com os hotéis de seu interesse para consultar os horários atuais. Na minha próxima viagem, que é agora em agosto, ficarei no Hilton Garden Inn at SeaWorld que é excelente e tem transporte para os parques, porém, ainda não sei os horários. Como te respondi na outra pergunta, em geral, eles tem um ônibus que chega com o parque abrindo e um que sai após o fechamento e algumas vezes tem mais algumas opções de horários alternativos.
      Bjs,
      Fernanda

  4. Rafaella em

    Oi,Td bem? Estou amando o site. Suas matérias já esclareceram muitas dúvidas, porém ainda tenho algumas ainda, que são:
    1. Qual é a melhor forma para ir aos parques da Universal? Uber da Internacional Drive para lá é caro?
    2.Como funciona o transporte dos hotéis para os parques da Disney e da Universal? Já olhei em alguns sites de hotéis, mas não encontro os horários de ida e vola. Fico muito insegura em relação a chegar tarde no parque ou ter que sair muito cedo por causa do ônibus.

    Obrigada.

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Rafaella. Que bom que está curtindo os posts! 🙂
      1) A International Drive é uma rua beeem longa, então o valor da corrida depende de onde estará partido exatamente, mas mesmo de um ponto mais distante, não deve custar mais de US$ 15. Você pode simular uma corrida e ver o valor exato no site do Uber.
      2) Depende do hotel, cada um terá seus destinos e horários. Alguns tem ônibus somente para Disney, outros somente para Universal e alguns tem para todos os parques da região. Os horários realmente você não encontrará nos sites. Eles costumam disponibilizá-los na recepção. O que você pode fazer é entrar em contato com o hotel perguntando mais detalhes sobre os transportes. Em geral, há um ônibus/van que sai do hotel pouco antes da abertura dos parques e um para voltar logo após seu fechamento. Podem haver outros horários intermediários para quem quer chegar mais tarde ou sair mais cedo. Para saber certinho, o jeito é consultar os hotéis do seu interesse.
      Bjs,
      Fernanda

  5. Oi! Acabei de encontrar seu site e amei! Tudo mto bem explicado! Meu marido e eu iremos nas duas últimas semanas do mês que vem… Gostaríamos de ir às praias próximas de Orlando! Vc sabe se tem ônibus barato para ir às mesmas? Obrigada

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Camila. Obrigada! Fico feliz em saber que curtiu o blog. 🙂
      Eu sei que tem ônibus para Daytona Beach (uns US$ 35, ida e volta) e para Melbourne (Uns US$ 40, ida e volta) pela Greyhound, mas não saberia dizer se é uma boa porque nunca fiz esses trajetos. Chegando ao ponto final, você ainda teria que se deslocar até a praia e também não sei se é tranquilo, pois não conheço linhas de ônibus nesses locais.
      Bjs,
      Fernanda

  6. Andreia em

    Oi, vou dian19/07 e não vou alugar carro. Posso entrar com malas no Linx no aeroporto? Serão malas grandes mas não vão estar pesadas. Outra coisa, é tranquilo saltar no ponto do Sea Word?

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Andreia.
      Pode entrar com malas sim. Você verá muita gente entrando com malas. Os ônibus são espaçosos e não costumam ficar cheios. A questão é que não terá ninguém para te ajudar, a não ser que o motorista esteja de bom humor. rs Não esqueça de verificar os horários do ônibus.
      É tranquilo saltar no SeaWorld sim. Inclusive, é o ponto que mais uso em Orlando. A noite a rua fica bem escura, mas não é perigoso. Já esperei muito ônibus sozinha por lá.
      Bjs,
      Fernanda

  7. Paula Evelyn em

    Oi , esse transfer “Shuttle da Mears” é 33 dólares do aeroporto pro hotel e tbm do hotel pro aeroporto ou só um trajeto ?

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Paula.
      O valor de US$ 33 é “roundtrip”, ou seja, do aeroporto para seu hotel e depois do seu hotel para o aeroporto. O valor de apenas 1 trajeto é US$ 21. Lembrando que se usar o “Promo Code” Web10, você ainda tem 10% de desconto.
      Bjs,
      Fernanda

  8. CARLA ALBUQUERQUE em

    Olá Fernanda,
    Adorei seu post..Objetivo,claro e animador!! Não tenho habilitação e, sempre que vou a Orlando vou com amigos e/ou família, porém estou programando uma viagem somente eu e meu filho de 10 anos para Julho ou Outubro (ainda nao decidi o periodo). Voce saberia informar se o Uber ja esta funcionando a todo vapor la em Orlando? Ele funciona igual aqui no Brasil?

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Carla. Obrigada! Que bom que gostou do post. 🙂
      Ficar sem carro em Orlando é muito tranquilo, especialmente se seu hotel tiver uma boa localização. Tenho certeza que você não terá problemas!
      O Uber funciona muito bem em Orlando sim e é igual aqui, usa o mesmo aplicativo. A diferença é que você será cobrada em dólares, portanto, o cartão de crédito cadastrado precisa ser internacional. Ah, e será cobrado IOF. Diferente do Brasil, por lá não há opção de pagamento em espécie.
      Lembre-se que você precisará ter conexão de internet para solicitar o Uber, então recomendo que compre um chip de celular internacional. Depender de wi-fi não dá muito certo quando estamos por lá sem carro. Eu sempre gosto de acompanhar o caminho que está sendo feito (seja de Uber ou ônibus) usando o Google Maps, então não abro mão de internet 4G o tempo todo.
      Bjs,
      Fernanda

  9. Olá, Fernanda! O seu site é ótimo! Estou montando toda a programação de transporte com as dicas que você deu, parabéns!
    Mas estou com uma dúvida. Ficarei hospedada no Super 8 e ponto mais próximo é o 5 do I-Ride. Vou pra Universal e descer no G4, conforme a dica que você deu. O ponto 5 está sinalizado como da linha vermelha, mas aparentemente pelo mapa do I-Ride, neste trecho passa os ônibus tanto da linha verde, como da vermelha. Então sabe me dizer se eu posso realmente esperar o ônibus da linha verde neste ponto pois ele irá passar e parar nele? Muito Obrigada!

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Aline. Que bom que curtiu o blog. Fico feliz em saber que as dicas estão sendo úteis para sua viagem! 🙂
      O ponto 5 é um ponto de transferência, ou seja, param Trolleys Red Line e Green Line mesmo. Indo do seu hotel, você teria que atravessar a International Drive e que pegar um Green Line North Bound e, chegando no ponto G4, teria que andar acho que uns 13/15 min até os parques.
      Nesse caso, eu acho muuuuito melhor pegar o ônibus Lynx nº 37 na International Drive (em frente ao Four Points, não precisa atravessar a International Drive) e ele vai te deixar bem em frente à escada rolante que sobe para os parques da Universal. Na volta é o mesmo caminho. Ele passa de 30 em 30 min de seg a sáb e de 1 em 1h aos dom e feriados. O último horário para retorno é umas 22h.
      Bjs,
      Fernanda

      • Fernanda, muuuito obrigada pela sua atenção em me responder e ainda me dar uma dica muito melhor! Obrigada mesmo e sucesso!

  10. Carmem Rodrigues em

    Por um acaso achei seu site e adorei!! Você me ajudou a economizar uns bom trocados! Vou em setembro e iria contratar um transfer por 60 dólares só de ida. Nunca tinha ouvido falar da Mears. Vou contratar. Muito obrigada! Faço parte de vários grupo sobre Orlando e nunca ninguém comentou…

    • Fernanda Knopp em

      Obrigada, Carmem! Que bom que está aproveitando as dicas! 🙂
      Acho que o pessoal fica tão focado em aluguel de carro que acaba não pesquisando muito sobre transfers e outros meios de transporte. Como não dirijo, quando vou sozinha tenho que me virar, então de transportes públicos e afins eu entendo bem! rs
      A Mears é uma excelente empresa, tem bons preços e é super pontual. Eu sempre contrato o transfer de/para o aeroporto e adoro o serviço deles. Tenho certeza que você também vai gostar!
      Bjs,
      Fernanda

      • Carmem Rodrigues em

        Fernanda, só mais uma dica: Quantas malas podemos levar na Mears? Já fui em Orlando duas vezes mas com amigos que dirigiam. Dessa vez vou com o meu filho de 22 anos mas a taxa pela idade dele é muito alta! Suas dicas foram valiosas e tenho certeza que aproveitarei muito mais minha viagem! Obrigada mais uma vez!!

        • Fernanda Knopp em

          Oi, Carmem!
          Eles não especificam a quantidade de malas permitida, pelo menos eu não encontrei essa informação. Sempre que usei estava com 2 malas por pessoa. Nesse trajeto de/para o aeroporto a Mears usa vans que cabem umas 10 pessoas, então tem um bagageiro grandinho. Claro que se todos estiverem com muitas malas pode não caber, mas se isso acontecer, como as vans partem uma atrás da outra, bastaria acomodar as pessoas e suas malas que “sobraram” numa próxima van.
          Se você for com muitas malas, talvez seja bom entrar em contato com eles, apenas por precaução.
          Realmente alugar carro tendo menos de 25 anos é um problema, mas não fará falta… Tenho certeza que vocês aproveitarão a viagem mesmo sem carro. Se precisar de mais dicas é só falar.
          Beijo!

  11. Antonia em

    Oi, Fernanda! Feliz Ano Novo!
    Me responde uma coisa, por favor: o passe do I-ride trolley para sete dias dura sete dias seguidos ou sete dias de viagens?

    • Fernanda Knopp em

      Olá, Antonia. Feliz ano novo pra você também! 🙂
      O passe de 7 dias do I-Ride Trolley vale por 7 dias seguidos, contados a partir do primeiro dia de uso. Todos os passes do Trolley funcionam dessa forma.
      Bjs,
      Fernanda

  12. Danielle em

    Boa tarde!!!!

    Gostaria de informação, no meio do mês de Novembro (nesse mês no caso) , estariei indo para Orlando, ficarei hospedada no hotel Hilton 6001 destination parkway, estarei indo sem carro, gostaria de saber qual o meio de transporte mais barato para ir até o Magic Kingdom ???
    Dei uma olhada no Uber mas ainda estou perdida quanto ao app, se vale a pena ou não…
    e se você sabe me informar se tem alguma linha de ônibus perto desse hotel!!!!

    desde já, obrigada!!!

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Danielle! Primeiramente, desculpe a demora em responder. Estava em Orlando, não parei um minuto e infelizmente não consegui responder ninguém nesse período.
      Um Uber entre o Hilton e o Transportation and Ticket Center (onde fica o estacionamento do Magic Kingdom) daria entre US$ 12 e US$ 16 e vale super a pena sim. É só baixar o aplicativo ainda aqui no Brasil e cadastrar nele um cartão de crédito internacional para usar lá nos EUA sem problemas. Eu usei nessa última viagem e funcionou super bem!
      Para voltar do parque, acho que o ideal é usar Uber mesmo, pois sempre saímos do Magic Kingdom muito tarde e cansados e os ônibus não funcionam a noite toda e ainda é preciso caminhar.
      Para ir, ande até o primeiro ponto de ônibus da International Drive (sentido sul) e pegue o Lynx 8 ou 111 até o ponto do SeaWorld. Neste mesmo ponto, pegue o Lynx 50 que vai te deixar no Transportation and Ticket Center. Você também pode andar até um ponto mais ao sul da International Drive (altura do nº 10284) e pegar só o Lynx 50. De lá, é só pegar a balsa ou monorail até a entrada do parque. Veja essas opções no mapa do Google Maps, clicando aqui.
      Se for pegar mais de um ônibus em um mesmo trajeto, não esqueça de pedir o “transfer ticket” quando for pagar a passagem, assim você só pagará uma vez. No ônibus que pegar em seguida é só passar o ticket na máquina.
      Espero que tenha dado tempo de você ler a resposta e aproveitar as dicas!
      Bjs,
      Fernanda

  13. Nossa amei seu post..demaisss
    Vou para orlando depois de amanha e suas dicas foram essenciais para mim.
    nao terei malas na ida, vou tentar pegar o lynx. Quando chegar no aeroporto qual a melhor saida para pegar esse onibus

    • Fernanda Knopp em

      Que bom, Ana! Fico super feliz em saber que as dicas do blog ajudaram no seu planejamento de viagem! 🙂
      Todos os ônibus Lynx param no primeiro piso, do lado de fora do terminal A. Lá terá paradas de vários ônibus, as destinas aos ônibus Lynx são as de nº A-38 até A-41. Para se guiar até lá, no Terminal A procure nas placas a informação “Ground Transportation” e o símbolo de um ônibus. O aeroporto é muito bem sinalizado, você não terá dificuldades em achar.
      Boa viagem!
      Bjs,
      Fernanda

  14. Paulo Cavalcanti em

    Oi estou indo a Orlando mes que vem, gostaria de saber se esses passes vendem no aeroporto, e o que vc recomenda comprar o da lynx ou da trooley, ou os 2? O da lynx parece que vende no aeroporto pelo site deles, mas o da trooley não fala o endereço só fala os locais.

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Paulo.
      Usar o Lynx ou Trolley depende dos locais que quer ir utilizando transporte público. Eu faço da seguinte forma: dou sempre preferência ao Trolley, mas como ele atende somente uma pequena região (International Drive, Universal Boulevard e trechos de algumas outras ruas no entorno), uso o Lynx para complementar e ir aos lugares não atendidos pelo Trolley.
      Você deve comprar os passes de acordo com sua necessidade de uso. Pode ser que vá precisar apenas do Trolley ou apenas do Lynx, depende do seu roteiro.
      Que eu saiba não vende passe para nenhum dos 2 transportes no aeroporto de Orlando, mas seria ótimo se vendesse… Para o Trolley, eu compro passes pelo site deles, como explico neste post. É super simples! Para o Lynx, comprar pelo site é meio complicado porque o passe vem pelo Correio e demora muito pra chegar, não recomendo, especialmente porque sua viagem está próxima. Nesse caso, você terá que ver na lista de pontos de venda um local mais próximo do seu hotel.
      Se quiser me falar qual será o seu hotel aqui nos comentários ou por email (contato@orlandeando.com), posso te indicar os pontos de venda mais próximos.
      Bjs,
      Fernanda

      • Paulo Cavalcanti em

        Irei ficar em um hostel, o lugar é favorecido pela Lynx, no site deles achei um retail location perto do aeroporto, Renaissance Orlando Hotel-Airport
        5445 Forbes Place
        Orlando, FL 32812
        Phone: 407-513-7204
        Get Directions

        Vc que conhece lá qualquer um pode ir nesse hotel comprar?

        • Fernanda Knopp em

          Não conheço o hotel, mas provavelmente os passes são vendidos em alguma área de acesso público, próxima à recepção. Do aeroporto até este hotel dá uns 10 minutos de carro ou uns 25 minutos de ônibus (nº 436S, 42 ou 51). Lembrando que após umas 23h, 23h30 até mais ou menos 5 da manhã, não circula ônibus.

          • Paulo Cavalcanti em

            Eles começam a circular de 5 da manhã? E sabe se no aeroporto tem o mapa da lynx? para acessar as lojas da international drive da para ir a pé, ou só de onibus? pois pelo que vi a trolley só é para essa avenida, já que não vou em todas as lojas no mesmo dia quero saber se da para andar por ela a pé, ou chegar nela por alguma linha da lynx. Vc recomenda levar dolar daki ou usar meu cartão de debito e comprar lá? E qtos dolares é seguro levar na carteira?
            A cotação usada no cartão de debito/credito é o comercial ou o turismo?

            • Fernanda Knopp em

              Essas linhas que mencionei começam a circular entre 4h30, 5h, varia de acordo com a linha. Não sei se tem mapa da Lynx no aeroporto, pelo menos eu nunca vi.
              Depende de quais lojas você se refere. A International Drive é bem longa, então é melhor localizar no mapa (use o Google Maps) quais locais quer visitar pra ver se ficam próximos. Por exemplo, o outlet Premium da International Drive fica bem distante do Pointe Orlando, não dá pra ir a pé. Para circular na International Drive você pode usar a linha 8 da Lynx, que circula em quase toda sua extensão.
              Usar cartão sai sempre mais caro que comprar moeda em espécie, devido ao IOF. A segurança em relação a quantidade de dinheiro que carrega depende de você, na verdade. Você pode estar com 10 dólares e perder/ser furtado ou estar com 5.000 sem ter qualquer problema. Lá não acontecem roubos, apenas furtos, então se ficar atento não terá problemas. Usar um porta-dólar é sempre a forma mais segura de carregar dinheiro.
              A cotação dos cartões depende do banco emissor, pode ser o turismo ou comercial. Veja aqui: http://www.melhoresdestinos.com.br/dolar-cartoes-de-credito.html
              Bjs,
              Fernanda

  15. Olá Fernanda, ficarei hospedada no Cabana bay .Gostaria de saber se é possível ir caminhando do hotel para o I drive 360 e para o Walmart? Muito obrigada pela atenção, um grande abraço.

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Karla. Tudo bem?
      Então, não dá pra ir a pé pra nenhum dos 2 lugares. Quer dizer, até dá né, mais bota aí uns 40/50 minutos de caminhada. 🙁
      Ano passado também fiquei no Cabana Bay e fui ao I-Drive 360 de I-Ride Trolley. Peguei o ônibus do hotel que vai para os parques e de lá andei pela Universal Blvd até a Major Blvd onde fica o ponto G4 do Trolley, bem em frente e na mesma calçada que o hotel Double Tree (dá uns 10 min andando). Peguei o Trolley green line south e desci no ponto G8, que é atrás da Orlando Eye. Neste post tem um link para o mapa do Trolley, dá uma olhada pra entender melhor.
      Só um detalhe, em Orlando muitas ruas só tem calçado de um lado, então pra sair do lado certo da Universal Blvd é mais fácil subir a escada rolante que dá acesso aos parques da Universal, passar pela segurança e quando vir uma escada à sua direita é só descer que já verá a calçada, aí é só seguir esse caminho até chegar na Major Blvd. Parece estranho ter que fazer isso, mas atravessar a rua nesse local não é muito fácil. Se colocar no mapa do Google na versão “satélite” dá pra visualizar onde fica essa escada e a calçada.
      Pro Walmart (o mais perto é o da Turkey Lake Rd) você pode andar até a Turkey Lake e atravessar para a outra pista para pegar o ônibus da Lynx nº 21 que vai te deixar em frente ao mercado. O Cabana Bay tem uma saída pela Turkey Lake, mas não sei se é acessível aos hóspedes, pois é uma entrada de serviço, mas você pode tentar.
      Bjs,
      Fernanda

  16. Mary Oliveira da Costa em

    Querida Fernanda, meu nome é Mary e estava na dúvida se iria alugar um carro ou não em Orlando, mas depois de ler suas instruções me animei e não vou alugar. Apenas uma dúvida: Quais os ônibus que levam até o Complexo Disney? Ficarei hospedada na Universal Boulevard, meu hotel só me oferece transporte gratuito para os parques da Universal. Outra coisa, o Florida Mall é muito longe de onde vou ficar hospedada? Ficarei no Extended Stay América Center Convention. Obrigada por tudo que vc faz por nós. Um forte abraço!

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Mary. Fico feliz em saber que o post te ajudou na decisão! Tenho certeza que, além de economizar muito, terá uma experiência ótima em Orlando.
      Respondendo suas perguntas…
      Extended Stay – Convention Center x Parques Disney: veja no mapa clicando aqui
      Partindo do seu hotel, será necessário pegar 2 ônibus Lynx, o 8 e o 50 e a viagem levará cerca de 1h 40min.
      Pra pegar o 8, terá que caminhar até o ponto na International Dr (cerca de 5 min andando), em seguida, deverá descer em frente ao Sea World para pegar o 50. Ah, ao entrar no primeiro ônibus peça o “transfer ticket”, para não pagar 2 passagens ao trocar de ônibus.
      Você deve ficar no TTC (Transportation and Ticket Center) e de lá pegar o Monorail (trem) para o Magic Kingdom e Epcot ou Ferryboat (barco) somente para o Magic Kingdom. Para o Hollywood Studios e Animal Kingdom deve pegar os ônibus Disney (todos esses transportes são gratuitos).
      Já se quiser ir ao Disney Springs, você deverá pegar os mesmos ônibus (8 e 50) e descer no próprio Disney Springs (tem um ponto de ônibus lá dentro), que fica antes do TTC.
      Para voltar do complexo de ônibus, fique de olho no horário. O 50 sai do TTC até por volta de meia-noite todos os dias, mas o 8 (e muitas outras linhas), tem horário reduzido aos domingos e feriados, funcionando até umas 21h e com intervalo de 1h, quando durante a semana são 30 minutos.
      Se não quiser pegar ônibus na volta, uma opção é usar o Uber, que é bem mais barato que táxi e parece funcionar muito bem na cidade.
      Extended Stay – Convention Center x Florida Mall: veja no mapa clicando aqui
      O Florida Mall não é longe (assim como a Disney também não é), o problema é a volta que os ônibus dão pra chegar lá. Leva cerca de 1h de ônibus.
      Você terá que andar uns 5 min até o ponto da International Dr e pegar o ônibus 42 que vai te deixar praticamente dentro do Florida Mall.
      Consulte muito o Google Maps antes de viajar para se familiarizar com os trajetos, a localização dos pontos dos ônibus (veja com o Street View), o tempo dos percursos etc, com isso, ficará mais segura na hora. Ter um mapa o tempo todo é sempre bom também, de preferência no celular.
      Obrigada pelo carinho e por acompanhar o blog.
      Bjs,
      Fernanda

  17. Tatiana Demestri em

    Gostei muito das dicas apesar de dirigir vou em uma viagem rapida e economica vai me ajudar muito

    • Fernanda Knopp em

      Que bom que gostou, Tatiana. É sempre bom ter opções, né?!
      Tenha uma ótima viagem!
      Bjs,
      Fernanda

  18. Juliana em

    Oi Glaucia… pretendo ir em agosto e terei somente 1 dia para compras. Dá para usar taxi ou Uber para ir a shoppings e supermercados + international Drive (Madame Toussauds e Orlando Eye)?

    • Fernanda Knopp em

      Dá sim, Juliana. Provavelmente vai ser um dia corrido e cansativo, mas se organizando direitinho dá pra fazer tudo que você quer!
      Madame Tussauds + Orlando Eye você faz em cerca de 2 horas no máximo e o resto do dia fica para as compras. O ideal é comprar seus ingresso para o começinho ou final do dia, assim terá mais tempo para visitar as lojas.
      É importante fazer um roteirinho de compras, escolhendo bem cada shopping, outlet, supermercado, farmácia etc que vai visitar, colocando-os numa ordem coerente de acordo com suas distâncias para não perder tempo de deslocamento ou gastar mais dinheiro com taxi/Uber à toa.
      Como você só tem um dia de compras é essencial saber até as lojas que quer visitar e o que quer comprar, sendo bem objetiva, pois perde-se facilmente um dia inteiro dentro de um shopping, outlet ou até dentro de um supermercado se você não tiver foco.
      Quanto aos transportes, nunca usei Uber, mas sei que sai bem mais barato que taxi.
      As tarifas de taxi você pode simular pelo Taxi Fare Finder: https://www.taxifarefinder.com/main.php?city=Orlando
      E do Uber, pelo Taxi Fare Finder – Uber X: https://www.taxifarefinder.com/main.php?city=Uber-X-Orlando-FL&lang=pt
      Coloque todos os trechos que vai percorrer para ter uma ideia de quanto vai gastar no total e já veja mais ou menos os caminhos e tempo de deslocamento.
      Bjs,
      Fernanda.

  19. Gláucia Ferreira em

    Olá! Parabéns pelo site. O conteúdo é excelente e estou pegando dicas valiosíssimas aqui.
    Mas estou com uma dúvida e agradeceria muito se você puder me ajudar: o transfer aeroporto/hotel da Mears pode ser contratado na hora lá no aeroporto ou só com antecedência pela internet? Como você fez (detalhes)?
    Obrigada.

    • Fernanda Knopp em

      Oi, Gláucia. Fico muito feliz em saber que está gostando do blog e aproveitando as dicas!
      Você pode contratar na hora sim, mas como falei no post, reservando online tem 10% de desconto. O serviço de shuttle (aeroporto-hotel-aeroporto) funciona 24h por dia, mas o balcão de vendas do aeroporto fecha entre meia noite e 7:30 da manhã. Chegando entre esses horários é preciso ligar para a central da Mears.
      Utilizei o Shared Ride Shuttle (van compartilhada) e reservei online, mas não pelo site da Mears, pois na verdade eu fechei um pacote com a Universal de hotel + ingressos + shuttle ida e volta.
      Como funciona o shuttle:
      Ao chegar no aeroporto, você deve ir a um dos balcões da Mears (eles tem 4, 2 no terminal A e 2 no terminal B) para reservar seu shuttle ou apenas pegar o boarding pass, caso tenha reservado online, apresentando papel da reserva + passaporte. Em seguida, eles indicam o local onde ficam as vans e lá deverá mostrar seu boarding pass. Eles entregam um pager que vibra quando há uma van disponível. A espera pode ser de até 20 minutos (eu não esperei nem 5 minutos). A van pode parar em outros hotéis antes de ir para o seu, mas é super tranquilo.
      Para voltar, você deve ligar para a central da Mears, pelo número que tem no boarding pass, até 24h antes da sua partida e agendar o horário da van. Eu falei em inglês, mas também não perguntei se tinha atendimento em português ou espanhol. 🙁 Perguntam o horário do seu voo e dão algumas opções de horário para escolher. No meu caso, a van foi super pontual, chegou uns 5 minutos antes do horário marcado. Você entrega o boarding pass ao motorista e embarca. A van foi direto para o aeroporto, mas também poderia ter passado em outro hotel antes. O motorista pergunta para cada um em qual cia aérea irá viajar e deixa os passageiros no terminal certo, o mais perto possível do balcão da cia escolhida. Ah, recomenda-se dar gorjeta de 1 dólar por mala ao motorista, mas não é obrigatório.
      Achei o serviço nota 10 e recomendo demais!
      Obrigada por acompanhar o blog.
      Bjs,
      Fernanda.

      • Gláucia Ferreira em

        Muitíssimo obrigada, Fernanda!
        Você tem o dom de escrever de forma clara e sabe como ajudar.
        Continue com este belo trabalho e tenha certeza de que ele faz toda diferença para quem procura informações de qualidade na internet.
        Bjs.

        • Fernanda Knopp em

          Obrigada de verdade, Gláucia! 🙂 Receber um feedback assim tão legal dá um super ânimo para seguir em frente!
          Bjs,
          Fernanda.

Deixe seu comentário! Respostas em até 5 dias. Todas as mensagens são moderadas.